Essa é a primeira pergunta que vem à cabeça de muita gente. Inclusive essa é a frase que está estampada em camisetas e bótons pelas lojinhas da capital da Eslováquia (“Onde fica essa caceta de Bratislava?”). Faz parte de uma campanha de divulgação da cidade. O segundo pensamento é “Mas o que há para ver nesse fim de mundo?”. É aí que a gente entra, justamente para tirar esses mitos que vez ou outra as pessoas pensam ao viajar. Um dos pontos mais positivos por estarmos viajando pelo mundo é que experimentamos visitar cidades que nunca estariam nos nossos roteiros “normais”. Assim tiramos da cabeça os vários preconceitos que temos, […]