A Rússia era um dos destaques do nosso roteiro. A ideia inicial era evitar o friozinho de lá. Mas não teve jeito. Até neve a gente pegou.2015-09-29 17.30.34

Primeiro fomos conhecer São Petersburgo, a segunda maior cidade do país. A expectativa era alta e para falar a verdade ficamos um pouco decepcionados com a cidade. Não achamos lá essas coisas não. Tá certo que o frio tem grande influência nisso e também porque o inglês é pouco falado, além do alfabeto cirílico ser dificílimo de entender. Mas a famosa “Peter” não encantou mesmo não. Ainda assim pudemos ver e descobrir alguns locais especiais que gostamos bastante. E mesmo com o idioma complicado, conseguimos nos virar e conhecemos toda a cidade usando ônibus, metrô e o sempre sensacional UBER. Um salve para o Uber!

Depois de uma semana na “capital cultural”, pegamos o moderno trem de alta velocidade SAPSAN e partimos para Moscou. E na capital, que a princípio não seria tão preparada para o turismo como São Petersburgo, foi exatamente o contrário. Gostamos muito de lá, mesmo com a temperatura a -1ºC em alguns dias.

MOEDA E IDIOMA

O Rublo Russo é a moeda do país e a língua é bem complicada mesmo pra gente. A sensação que tivemos foi a mesma de muitos estrangeiros que visitam o Brasil. Muito pouca gente fala inglês lá, o que certas vezes pode complicar. Sem contar que as informações e placas de sinalização são todas escritas no alfabeto cirílico. O estranhamento no primeiro dia é normal. E não vimos muitas pessoas querendo ajudar. Todas no estilão russo de ser mesmo. Mas aos poucos dá para ir pegando a manha e entendendo um pouquinho, pelo menos para se virar no metrô :)))

COTAÇÃO DO RUBLO RUSSO NO AEROPORTO (EM 27/9/2015): 1€ = 69 RUB

COTAÇÃO DO RUBLO RUSSO EM BANCO NA CIDADE (EM 28/9/2015): 1€ = 73 RUB

CHEGANDO EM SÃO PETERSBURGO

A chegada foi pelo bonito Aeroporto de PULKOVO (LED), a 20Km do centro da cidade. Na imigração a única pergunta que fizeram foi se éramos turistas. Depois do “sim”, pegamos nossas malas e fomos logo atrás de uma casa de câmbio. Mais uma vez a dica é trocar bem pouquinho no aeroporto porque normalmente o câmbio não é bom. Trocamos apenas 10€ pelos rublos. Apenas para pagar o ônibus que nos levaria à estação de metrô central.2015-09-27 19.01.48 A dica para quem vai do aeroporto de PULKOVO para o centro é pegar o ÔNIBUS K39 ou K39 Express, que fazem o trajeto até a estação de metrô Moskovskaya. Ele sai da rua que fica bem em frente ao desembarque. É bem fácil de achá-lo. O bilhete é comprado dentro do próprio ônibus, direto com o cobrador. Preço: 28 rublos (cerca de R$ 1,80). É o mesmo valor para o K39 normal e o K39 Express. A diferença é que se pegar o K39 Express, o trajeto dura apenas 20 minutos. O normal faz em 35 minutos, aproximadamente.2015-09-27 19.15.42Da estação de metrô Moskovskaya, pegue um táxi ou siga de metrô até o seu destino final. A gente resolveu pegar o metrô e lá fomos nós nos aventurando em russo. :))) A dica é baixar um aplicativo do mapa do metrô no celular e contar o número de estações até o destino final. Isso porque quase não dá para ver o nome da estação em que o metrô para. E na rapidez toda do momento, entender alguma coisa do alfabeto cirílico é praticamente impossível :)))

O METRÔ DE SÃO PETERSBURGO

Pra começar a experiência em “Peter”, nada como conhecer as estações de metrô. Cada uma delas é uma verdadeira obra de arte. E as escadas rolantes são uma atração a parte, com uma inclinação que parece mentira, além de serem muito longas e bem rápidas. Por isso, é bom ficar bem atento para não cair.2015-10-11 18.56.57A verdade é que dá para conhecer a cidade toda usando o metrô, que está sempre cheio mas é bem eficiente. A espera é bem curta por conta da imensa quantidade de trens e linhas.2015-09-29 13.10.05O ZHETON, moedinha abaixo, é o bilhete-tolken do metrô. Para comprá-lo, basta ir à bilheteria da estação ou comprar direto nas maquininhas. Preço: 31 rublos. E cada ZHETON vale 1 viagem, com todas as baldeações possíveis. A princípio, quem está com bagagem grande tem que pagar para ela andar de metrô também, mais 31 rublos. Ou seja, para pegar o metrô com mala, é preciso comprar 2 ZHETON’s. Mas vimos que na prática isso nem é cobrado pra valer. Existem outros passes específicos, como o cartão que dá direito a mais viagens, mas nem usamos. Clique aqui para saber mais sobre os valores e diferentes passes do metrô.metro7-in-st-petersburgE depois de sair da estação, tome sola de sapato para gastar. Até porque as principais atrações turísticas não são tão próximas das estações de metrô.

HOSPEDAGEM

Para economizarmos um pouco ficamos no Ibis Saint Petersburg Centre. Esse Ibis é bem fraquinho, não muito bem localizado e ainda cobram uma “taxa de cadastro” de 300 (RUB) por pessoa no momento do check-in. Algo que não vimos em nenhum outro Ibis até agora. A WI-FI também cai direto, nada bom para quem precisa de internet. O ponto positivo é que ele fica bem perto da estação Moskova (Московский вокзал) e dá para pegar metrô até alguns pontos turísticos.

É desta estação também que parte o excelente trem de alta velocidade SAPSAN para Moscou. E muito pertinho também está o Galeria, um shopping gigante e que ajudou muito os viajantes aqui durante o frio na cidade:)))

POR ONDE ANDAMOS E O QUE VISITAMOS NA CIDADE DE PEDRO, O GRANDE:

2015-10-03 15.49.53-1Catedral do Sangue Derramado: essa belíssima catedral, com suas coloridas cúpulas, foi a nossa primeira parada na cidade. Mesmo com um frio porreta, descemos na estação de metrô Nevsky Prospekt e em uma curta caminhada chegamos a ela. Espetacular, por fora e por dentro. Um trabalho lindo e que vale a pena ser visto de perto. PREÇO DA ENTRADA: 250 RUB (aproximadamente R$ 15,00). Compre direto na bilheteria da catedral ou pela internet aqui no link oficial.2015-09-29 14.47.25

Catedral de Santo Isaac: é a maior catedral de São Petersburgo. No dia que fomos estava fechada e só podia pagar para subir na cúpula. Lá de cima a vista é bem bonita mas a ventania e o frio fizeram a gente descer rapidinho :))) Preço do ingresso: 250 RUB (RS 15,00). Clique aqui para comprar o ingresso online ou compre diretamente na bilheteria.2015-10-11 21.04.15Museu Nacional do Hermitage e Palácio de Inverno: um dos maiores museus de arte do mundo, às margens do Rio Neva em São Petersburgo. Já o Palácio, que hoje faz parte do museu, foi a residência dos monarcas russos (czares) durante o seu Império. É realmente enorme e vale a visita. LOCOMODICA: toda primeira quinta-feira do mês a entrada é GRATUITA. Demos muita sorte de estar lá exatamente nesse dia de outubro :))) É claro que vai muita gente nesse dia, mas nada que atrapalhe assim não. A gente foi à tarde e foi bem tranquilo. Ah, é proibido entrar com mochilas, mas há guarda-volumes gratuitos. PREÇO EM DIAS NORMAIS: 600 RUB (R$ 38,00) para visitar todos os prédios do conjunto. 2015-10-11 19.01.59Para quem não estiver na cidade no dia gratuito, clique aqui e saiba mais sobre os ingressos e horários de funcionamento.2015-10-11 20.52.33Fora isso tudo, passeamos por toda a cidade e pudemos ver a Catedral de Kazan, a Fortaleza de Pedro e Paulo (que fica em uma área ótima da cidade), as lojas e restaurantes da grande avenida Nevsky Prospect, o Teatro Mariinsky, o famoso Café Singer, as Colunas Rostrais, e ainda fomos à “praia” da cidade onde várias pessoas estavam apenas com roupa de banho e a temperatura da água a 0ºC :)))

2015-09-29 17.06.00

Edifício do Café Singer

2015-10-11 20.54.33Infelizmente não conseguimos ir ao Palácio e Jardins PETERHOF. Uma pena, pois parecem ser lindos. Fica pra próxima. Eles ficam a 30Km da cidade e PETERHOF é considerado o “Versailles Russo”. Clique aqui para acessar o site oficial, saber mais e comprar o ingresso online.

RESTAURANTES QUE INDICAMOS

2015-10-04 00.47.41

Fast-Food na Rússia :)))

São Petersburgo é cheia de ótimos restaurantes. Fomos em alguns bem legais, em que o custo-benefício era bom pra gente. Esses aqui embaixo a gente indica muito para ir sem medo, porque são excelentes locais, com deliciosos pratos servidos.2015-10-11 19.03.38Le Pain Quotidien: sim, desde 2014 há uma franquia dessa empresa belga em São Petersburgo. O chocolate quente e o mega cookie de lá são fantásticos. Almoçamos lá também e o menu do dia foi excelente. Resumindo, tudo lá é muito bom.

2015-10-11 21.00.21Zoom Café: ambiente descolado e que parece ter sido todo criado por crianças incríveis. Cada detalhe é muito criativo e a comida deliciosa. Ótimo lugar para café da manhã, almoço ou jantar. Dica: suco natural de maçã e o pãozinho com homus estavam espetaculares :))) Chegamos para almoçar sem reserva, mas é bom fazer uma para garantir.

Coffeeshop Company: uma rede de lanchonetes presente em vários locais da cidade. Ótimo para um cafezinho ou um chá.

2015-10-11 20.58.28Teplo: não podíamos deixar de comer um strogonof lá! O restaurante parece uma casa e as mesas ficam em quartos ou salas dessa casa. O atendimento é excelente e a comida idem. Fazer a reserva é recomendável. O link que está no nome do restaurante é do Tripadvisor porque não há a versão em inglês do site deles. Indicadíssimo.

Existem muitos outros ótimos restaurantes na cidade. Mas a maioria era muito caro pra gente durante essa viagem. Numa próxima, com mais recursos, voltaremos lá para experimentar novos sabores :)))

DE SÃO PETERSBURGO PARA MOSCOU

A melhor maneira é usar o trem de alta velocidade SAPSAN. Um trem modernão, que faz o trajeto em 4 horas. Há vários horários por dia e são super confortáveis, mesmo na 2ª classe, onde fomos. Há um vagão com restaurante, caso precise comer algo.

Esse trem sai de São Petersburgo pela estação Moskova (Московский вокзал) e chega em Moscou na estação MOSKVA OKT (Ленинградский вокзал). É excelente a viagem nesse trem e tem até WIFI (paga).2015-10-11 20.49.20Para saber mais informações sobre o SAPSAN, clique aqui.

PREÇO: a dica é comprar o quanto antes pela internet, nesse site aqui (http://pass.rzd.ru/main-pass/public/en). Eu quis fazer a experiência de comprar no escritório da empresa que ficava numa rua perto do hotel porque tinha lido que lá talvez fosse mais barato, mas é o mesmo preço do site. Ainda assim consegui comprar no bom esquema do “mimiquês”, porque ninguém lá falava uma palavra de inglês. Foi engraçado depois, mas na hora foi bem difícil. 2015-10-11 20.47.43Valeu pela experiência, mas o melhor é comprar pela internet mesmo. A outra dica é chegar cedo na estação, porque há um rígido controle de bagagens. Além disso, o trem que pegamos tinha uns 20 vagões. Então, ir andando para o vagão determinado no bilhete pode levar um tempinho. Pagamos 2800 RUB por bilhete (R$ 175,00). Ótimo preço considerando o tempo de viagem e a qualidade do trem e seus serviços.

A LOCOMOTIVA VIAJANTE EM MOSCOU

A nossa chegada foi bem tranquila e ainda demos sorte. Isso porque o proprietário do apartamento que alugamos (via Airbnb) foi nos buscar de carro na estação. E nem cobrou nada por isso! Cara gente boa demais o Konstantin.

Aproveitamos que fazia sol e já saímos para bater perna pela cidade. Foi a melhor decisão, porque nos dias seguintes o frio chegou com tudo.2015-10-11 21.08.13Como falei antes ficamos em um apartamento alugado via Airbnb e foi bem bom, mesmo com a localização não sendo o forte dele. O prédio é daquele estilo russo, com uma entrada bem esquisita e meio detonada. Mas o apartamento era bom, com cozinha e tudo mais. O proprietário deu algumas boas dicas pra gente e decidimos fazer uma mega compra no supermercado próximo para comermos em casa durante toda a estadia. Deu super certo! A internet e a TV com vários canais e filmes foram ótimos pra gente também. Para conhecer esse apartamento do Konstantin, clique aqui.2015-10-11 21.05.502015-10-11 21.16.19ATRAÇÕES EM MOSCOU

Aproveitamos o primeiro dia e caminhamos até o centro da cidade, mais especificamente até a belíssima e histórica PRAÇA VERMELHA.2015-10-11 21.09.56O local chama atenção mesmo, principalmente a Catedral de São Basílio, com as suas incríveis cúpulas. Ao lado dela fica o KREMLIN, a fortaleza gigante onde fica a sede do governo russo. Para completar, é lá que também está o Museu Histórico do Estado da Rússia e o enorme shopping GUM com suas várias lojas de luxo.

Preço do ingresso da Catedral de São Basílio: 350 RUB (R$ 22,00). A visita é bem rápida e há um pequeno museu para conhecer. Mas a área interna central estava em reforma. Para quem quiser, um audioguia em inglês está disponível pelo preço de 300 RUB. Clique aqui e acesse o site oficial da Catedral de São Basílio.2015-10-11 21.12.05

Para comprar antecipadamente pela internet o ingresso para visitar o Museu do Kremlin, clique aqui. A visita é feita com horário marcado. Preço: 700 RUB (R$ 44,00).

Para saber mais sobre o Museu Nacional Russo, clique aqui.

Além disso tudo, outra dica legal é ver uma apresentação no Teatro Bolshoi da sua famosa companhia de ballet. Mas para isso é bom preparar o bolso e comprar com muuuuuuuuuita antecedência, pois os ingressos esgotam rapidamente. Clique aqui no site oficial para saber mais ou comprar ingressos.

A dica 2 é para quem deseja conhecer os bastidores do teatro. Existe um tour específico para isso. Mas tem uma pegadinha: preço do tour em RUSSO – 500 RUB (R$ 31,00). Preço do tour em INGLÊS – 1300 RUB (R$ 81,00). Sacanagem, né?

2015-10-11 21.13.30

Estação de metrô, Shopping GUM e Teatro Bolshoi.

METRÔ EM MOSCOU

moscow_metroPara usar o metrô, que tem uma malha cheia de linhas pra todo lado, o melhor a fazer é comprar um cartão que vale várias viagens. O bom é que esse cartão pode ser compartilhado por duas pessoas ou mais. À medida que você passa ele na catraca, aparece o número restante de viagens. Depois é só abastecê-lo com mais viagens, se necessário. PREÇO DO CARTÃO DO METRÔ PARA 11 VIAGENS: 375 RUB (R$ 23,50 aproximadamente).

A dica é fazer aquele esqueminha de contar o número de estações até o destino final e conferir as letras do alfabeto cirílico em seguida. Em toda estação há sinalização de chão também indicando onde é preciso ir para pegar cada linha do metrô. E sem dúvida andar com o mapa impresso do metrô na mão ou com um aplicativo de celular é pra lá de fundamental.

Para saber mais sobre o metrô de Moscou, clique aqui no site oficial.

A outra dica excelente de transporte e que usamos também em Moscou é o querido UBER. Ainda mais em dias de neve, foi útil demais pra gente. E é bem barato na Rússia, diga-se de passagem. Dá-lhe UBER!

RESTAURANTES DE MOSCOU

2015-10-11 21.15.02Como a gente comeu quase todos dias em casa mesmo, até para fugir dos dias de neve e temperaturas abaixo de 0ºC, praticamente não temos boas dicas para oferecer. Mas aqui vão alguns links legais que destacam restaurantes na capital da Rússia.

http://www.timeout.com.br/viagem/moscou/features/586/moscou-onde-comer

http://guia.melhoresdestinos.com.br/onde-comer-em-moscou-137-1403-p.html

http://gazetarussa.com.br/arte/2014/01/14/uma_selecao_de_restaurantes_bons_e_baratos_em_moscou_23661

http://vontadedeviajar.com/comida-e-restaurantes-na-russia/

SAINDO DE MOSCOU PELO AEROPORTO DOMODEDOVO

Moscou tem 2 aeroportos: o maior e mais próximo do centro da cidade, o Sheremetyevo. E o mais distante, DOMODEDOVO. Foi de lá que nosso voo saíu para DUBAI.

Para chegar ao aeroporto, há a opção de um trem expresso (AEROEXPRESS) que sai da estação PAVELETSKY. Clique aqui e saiba mais.2015-10-11 21.17.32Mas se você estiver em duas ou mais pessoas, compensa demais pegar um UBER. Foi o que fizemos e saíu quase o mesmo preço do trem expresso. Mas fomos pegos na porta de casa, né?:))) E olha só, foi 1 (uma) hora para chegar no aeroporto. Então, a dica mais uma vez é sair bem cedo de casa. É beeeeeeem longe o aeroporto DOMODEDOVO. O preço até lá de UBER: apenas 1000 RUB, cerca de R$ 62,00. Totalmente excelente!

Check-in feito na Emirates e lá fomos nós para os Emirado Árabes. Próxima parada da Locomotiva Viajante: DUBAI. Até já e forte abraço.