Após duas semanas na Rússia, pegamos o excelente voo da Emirates para a sempre quente DUBAI e passamos 6 noites lá, de 11 a 17 de outubro.2015-10-12 10.32.58-1A dica para quem deseja conhecer os Emirados Árabes é tirar o visto com a própria Emirates ou com a Etihad, caso vá descer em Abu Dhabi. É muito mais descomplicado. Tudo o que você precisa fazer é comprar as passagens de entrada e saída do país com uma dessas empresas. Depois, a solicitação do visto é toda online, em um site de um empresa parceira das companhias aéreas. E normalmente é mais barato dessa forma do que com os hotéis ou agências de viagem dos Emirados Árabes.

IMPORTANTE: o pedido só pode ser feito com 59 dias ou menos da data da viagem e o visto só vale por 3 meses após a emissão. Essa data dos 3 meses é o limite para você entrar no país e não para ficar lá esse tempo, ok? Vale lembrar que é preciso apresentar o visto impresso ao desembarcar, o mesmo que é enviado por e-mail pelos sistema de visto. Para saber mais, clique aqui e leia o nosso link do blog que fala sobre os vistos.

A Emirates realmente é diferenciada e seus serviços são excelentes. Mas como eles não têm vários voos saindo de Moscou, o guichê onde é feito o check-in e despacho das bagagens é bem pequeno e a empresa divide o mesmo com a Qatar Airways. Ou seja, se você chegar cedo ao aeroporto Domodedovo em Moscou e não vir o guichê da Emirates, não se preocupe. Eles só abrem umas 2 horas antes do voo. Saem os banners e marcas da Qatar e entra o material da Emirates.

LOCOMODICA: faça o check-in pela internet com antecedência e pegue a fila que é bem menor para apenas despachar as malas e pegar o cartão de embarque. E chegue cedo, porque a passagem pela imigração pode demorar.

Cartão de embarque na mão, passagem pela imigração OK, entramos no nosso avião Boeing 777-300ER e partimos. De Moscou a Dubai são 5 horas de voo. Ao desembarcar já percebemos toda a imponência e riqueza dos Emirados. O aeroporto de Dubai é lindão e bem grande (3 terminais). Tudo muito organizado e limpo também. Passamos pela imigração sem perguntarem nada, tudo certo.2015-10-23 13.06.40COMO IR DO AEROPORTO DE DUBAI PARA O HOTEL

É possível ir de metrô, que aliás é excelente, de táxi ou com um transfer previamente acertado com o hotel. Mas em Dubai também tem o nosso amigo UBER e utilizamos ele mais uma vez. O detalhe é que os carros em Dubai são todos muito bacanas:))) Só para ter ideia com o UBER Select, versão básica em Dubai, só pegamos carrões como o Lexus, com motoristas super simpáticos e água disponível dentro do carro de luxo. A outra versão do UBER em DUBAI é o Black, mas acabou que nem utilizamos essa categoria. Ah, há uma versão dos táxis, com o teto na cor rosa, com mulheres ao volante e que só levam mulheres e famílias.

Tanto o táxi como o UBER oferecem ótimos preços. Mas aqui vai uma importante dica pra quem solicitar o UBER na chegada em DUBAI: tenha créditos ou habilite o serviço de mensagens do celular porque o motorista do UBER entra em contato para saber exatamente onde você está no aeroporto. Isso porque o aeroporto é bem grande e um terminal é distante do outro. O mais comum é o motorista enviar um SMS perguntando o local exato para buscá-lo. A gente não ficou muito ligado nisso e demoramos um bom tempo para sermos pegos. Mas deu certo no final e nosso motorista foi super gente boa.

A wi-fi free do aeroporto não funcionava. Mas para usar a internet grátis no aeroporto, pare na lanchonete Costa Café logo no desembarque, compre alguma coisinha e peça o código de internet deles. Depois é só pedir o seu UBER.

MOEDA

O DIRHAM ÁRABE é a moeda do país. Não trocamos nada no aeroporto. Como fomos de UBER para o hotel, deixamos para fazer câmbio no dia seguinte no DUBAI MALL.

COTAÇÃO EM 12/10/2015: 1 EURO = 4,08 DIRHAM (AED) = R$ 4,20.

NO AEROPORTO A COTAÇÃO ESTAVA: 1 EURO = 3,85 + 10 DIRHAM (AED) DE COMISSÃO

No Dubai Mall, shopping de luxo da cidade, há várias casas de câmbio. Procure a que oferece a melhor cotação e menores taxas de comissão. Ou troque em um dos diversos bancos. Para pensar na conversão durante as compras, é só perceber que é praticamente 1 pra 1 entre o dirham e o nosso fraco real.

HOSPEDAGEM EM DUBAI

Em Dubai, boas opções de hotel não faltam. Mas o que parecia ser uma cidade pequena pra gente, foi o contrário. Ficamos redondamente enganados. Dubai é enorme. E como o calor é sempre fortíssimo, a cidade não foi projetada para pedestres e nem sequer há ciclovias. O lance lá é o carro mesmo.

A gente optou por ficar em um bom hotel, não tão central, mas a gente adorou. Até porque andamos de ônibus pra conhecer a cidade toda. :)))

Ficamos no novo IBIS Styles Dubai Jumeira. O hotel é de categoria diferenciada e oferecia um completo café da manhã na diária. Resumindo é um excelente hotel, com serviços e atendimento ótimos. O quarto era muito bom, espaçoso, confortável e todo bem decorado. Internet Wi-fi muito boa também. Há pontos de ônibus bem em frente ao hotel. Recomendamos e voltaríamos a ficar lá.2015-10-23 13.04.52

TRANSPORTE EM DUBAI

Como disse antes, em Dubai usamos de tudo um pouco: UBER, ônibus, metrô e até carro alugado:)))

TARIFA UBER AEROPORTO-HOTEL IBIS STYLES JUMEIRA: R$ 75,00.

TARIFA UBER HOTEL IBIS STYLES-DUBAI MALL: R$ 37,00.

Para comprar o cartão do transporte público de Dubai, é preciso ir a uma estação de metrô. Só vendem lá. Aproveitamos a visita ao Dubai Mall e compramos nosso cartão na estação ao lado do shopping. Para ir até ela, é só seguir as placas e ir por dentro do próprio shopping. Há um túnel que conecta o Dubai Mall à estação de metrô.

LOCOMODICA: há 3 versões de cartão-bilhete (chamado NOL) para o transporte público. Compre o que melhor se adequa à sua estadia em DUBAI. A gente comprou o cartão SILVER. Preço dele: 25 dirham (AED), mas vem com 19 dirham (AED) de crédito. Aí é só você inserir mais créditos quando precisar. Lembrando que isso só é feito nas estações de metrô. Então de cara já coloque uma boa quantidade de créditos, caso vá usar o ônibus como fizemos. Os preços de cada passagem são calculados pela distância percorrida. Varia de 3,00 a 7,50 dirham (AED).

Se quiser saber mais sobre o cartão NOL para metrô ou ônibus de DUBAI, clique aqui no site oficial da empresa RTA.

ANDANDO DE METRÔ EM DUBAI

2015-10-14 13.40.29-1O metrô de DUBAI foi inaugurado em 2010 e está em constante expansão. Considerando que existe há apenas 5 anos, é bem bom. Há duas linhas, a VERDE e a VERMELHA. A espera pelos trens é bem curta e é tudo muito limpo e organizado.

Vale a pena prestar atenção em alguns detalhes:

Há vagões exclusivos para mulheres. A indicação está nos adesivos de chão em frente às portas do metrô.

Há um vagão VIP (1ª classe), para quem tem o cartão GOLD, também indicado pelo adesivo de chão.

É proibido mascar chicletes, comer ou beber dentro do metrô e também nos ônibus. As multas chegam a 2.000 dirham (AED) para quem cometer essas infrações.

É bom evitar os horários de pico pois os vagões do metrô ficam bem cheios. E digamos que o cheiro não é dos melhores.

É obrigatório passar o cartão ao entrar na estação e também na saída. Assim é feito o cálculo do quanto você andou e os preços variam pelo número de estações percorridas.

Ao passar o cartão na catraca dê sempre uma olhada para ver os créditos ainda restantes. Use as máquinas nas estações para abastecer o cartão, caso necessário.

Tem wi-fi nas estações de metrô, mas só consegue conectar quem tem um número dos Emirados Árabes.

Ponto de ônibus, cartão NOL SIlver e estações de metrô em Dubai.

Ponto de ônibus, cartão NOL Silver e estações de metrô em Dubai.

ANDANDO DE ÔNIBUS EM DUBAI

Andar de ônibus por Dubai é mais fácil do que se pensa. O único problema é que como tudo lá é muito distante, pode acontecer de pegar um trajeto e demorar 1 hora ou mais pra chegar no destino final.

Não é possível comprar passagens com o motorista e nem há bilheteria ou máquinas nos pontos de ônibus. É preciso usar o cartão comprado previamente em uma estação de metrô. Só lembrando que este mesmo cartão pode ser usado em ônibus, metrô e barcos para atravessar o CREEK (canal da cidade).

O valor de cada passagem depende do quanto você andará pela cidade. A gente pagou bilhetes de 3,00 dirham (AED) a 5,50 dirham (AED). É obrigatório passar o cartão na maquininha dentro do ônibus para validar na entrada e na saída. Aí é que você fica sabendo quanto foi cobrado.2015-10-15 19.16.23Como a temperatura em Dubai é de torrar, os pontos de ônibus são climatizados. Santo ar-condicionado! E dentro do quiosque geladinho há um painel eletrônico informando o tempo que falta para as linhas de ônibus passarem naquela parada.2015-10-13 11.36.43À noite é preciso acionar um botão dentro do ponto de ônibus para informar aos motoristas que eles devem parar ali, ou então eles passam direto. Ah, também não é permitido comer ou beber nesses pontos e nem mesmo dentro dos ônibus.2015-10-13 11.37.20Dentro de cada ônibus há uma área reservada apenas para mulheres e crianças. São os bancos indicados na dianteira do ônibus.

Se quiser conferir as linhas que passam por determinado ponto de ônibus e planejar as suas rotas, clique aqui.

Para quem, assim como nós, ficar hospedado do IBIS Styles Dubai Jumeira, a dica é pegar o ônibus da NÚMERO 8. Essa linha leva até o Gold Souk e Spice Souk. E também o 8 faz o trajeto que vai por toda a beira-mar. Pegue o 8 para ir até o Madinat Souk (55 minutos), para a praia pública de Jumeirah (ao lado do hotel Burj al Arab – 50 minutos) e para Marina Beach (1h10min). Para voltar, é só pegar a mesma linha 8 do outro lado da rua.

2015-10-23 13.19.09

Passeando pelo MADINAT SOUK.

Também pegamos a linha 29 para voltar do Dubai Mall para o hotel. Esse ônibus na verdade não para tão perto do Ibis Styles. É preciso caminhar uns 10 minutos.

LOCOMODICA: fique com o celular na mão e abra o Google Maps. Fique de olho nele para saber onde fica a próxima parada. Em vários ônibus que pegamos o sistema que informa a próxima parada não estava funcionando. O Google Maps ajudou muito.

Foi uma boa experiência e vale lembrar que os ônibus também têm ar-condicionado. Para ir a alguns outros locais sem pontos de ônibus por perto também usamos o táxi local. Para chamar o táxi é só estender a mão na rua mesmo. Ou se quiser chamar pela internet, a dica é baixar o aplicativo da empresa SMART TAXI DUBAI. Clique aqui e saiba mais.

ALUGANDO UM CARRO EM DUBAI

Para começo de conversa, dirigir em Dubai é tranquilo demais. As pistas são bem largas, tudo é muito bem sinalizado, com todas as informações em inglês. E o melhor: é muito barato alugar carro em Dubai e a gasolina nem precisa dizer que é muuuuuito mais barata que no Brasil (R$ 1,72/litro).

Mas antes de alugar saiba que só é possível com a PID em mãos. PID é a Permissão Internacional para Dirigir, que pode ser tirada no Brasil antes de viajar. Pelo menos em Brasília-DF tirar uma PID é muito fácil. Basta preencher um formulário online e pagar a taxa no banco (pela internet mesmo, se preferir). Depois de alguns dias é só passar para pegar no DETRAN do Shopping Popular (antiga Rodoferroviária). A validade da PID é a mesma da CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Outra coisa importante é ter o limite de pelo menos R$ 2.500,00 no cartão de crédito. Isso é porque esse valor fica bloqueado e só estornam 15 dias depois da devolução do carro. Fique atento a isso, pois pode precisar desse valor livre durante a viagem e isso pode virar um problema.

A gente alugou direto pelo site da SIXT Rent a Car. Eu tinha um desconto lá por conta do aluguel em Porto e Genebra. Mas ainda assim pegamos um carrinho simples (Toyota Yaris Automático). Me arrependi, porque a diferença para uma Mercedes bem bacana era pouca. Mas é que toda economia é bem-vinda pra gente:))) E como foi apenas uma diária, foi tudo bom da mesma maneira.

Alugamos o carro para ir até Abu Dhabi, que fica a 1h20min de Dubai. É uma reta apenas e muito fácil de chegar lá. Vale muito a pena alugar um carro para fazer isso. É muito mais liberdade e bem mais barato que os tours que os hotéis oferecem. Ah, o detalhe é que assim como no Brasil há frentistas nos postos para abastecer o carro.

O QUE CONHECEMOS EM DUBAI

Não tem jeito, em Dubai tudo é mais caro mesmo. De hotéis a atrações turísticas, é bom preparar o bolso. Ainda assim, conseguimos escolher algumas atrações que não queríamos dispensar nessa primeira vez lá. Mas ainda tem muito o que fazer numa volta à cidade. Uma curiosidade é que 80% da população de Dubai é de imigrantes. Ou seja, é gente do mundo todo criando uma baita diversidade local. Contrastes que vemos nas ruas também, como a mistura de diferetes traços arquitetônicos como esses aqui abaixo. 2015-10-12 10.37.13-12015-10-15 16.02.46-1

DUBAI MALL

Um mega shopping luxuoso, o maior centro comercial do mundo, cheio das lojas mais renomadas do mundo, supermercado, bancos e vários restaurantes. O Dubai Mall é bonitaço mesmo e é lá mesmo que fica a entrada para o Burj Khalifa. Ainda no Dubai Mall, é possível conhecer a Dubai Fountain, um espetáculo de “águas e luzes dançantes” em uma fonte gigantesca, como o que acontece no hotel Bellagio em Las Vegas.2015-10-23 13.13.112015-10-12 15.21.22

BURJ KHALIFA

Esse é o prédio mais alto do mundo, com 828 metros de altura e 163 andares. É andar que não acaba mais. Para visitá-lo, há duas opções: subir até o 124º andar ou subir até o 145º andar. Cada um tem o seu preço e já adianto que é bem salgadinho, viu? Ah, a subida também é controlada por horários determinados. Em certas horas do dia, o ingresso é mais caro também :((( Então, tente comprar e reservar o horário da visita pela internet, clicando aqui no site oficial.2015-10-23 13.09.21Para retirar os ingressos, basta digitar o código da compra na máquina em frente à bilheteria dentro do Dubai Mall. Se não estiver com o código em mãos, é preciso apresentar o cartão da compra e o passaporte na bilheteria para a retirada dos ingressos. 2015-10-12 14.26.24Preço que pagamos para subir até o 124º andar: 140 Dirham (AED), cerca de R$ 148,00. Aaaaaaaai que a facadinha doeu. O elevador não demora nem 1 minuto para subir tudo. Incrível!

O nosso ingresso dava direito a um café e sobremesa no Burj Khalifa Café. Mas esse Café fica no térreo e é bem simples. Não compre esse ingresso porque achamos que foi uma boa enganação.

DEIRA GOLD SOUK (MERCADO DO OURO) E SPICE SOUK (MERCADO DE ESPECIARIAS)

2015-10-23 13.25.08Pegamos o ônibus número 8 na frente do nosso hotel (Ibis Styles Jumeira) e descemos perto dos mercados, na estação de ônibus de Deira, o bairro de Dubai onde os souks ficam. Fomos só mesmo para conhecer rapidinho porque não tínhamos o mínimo interesse em comprar. Mas quem deseja comprar algo em ouro, o Gold Souk é o lugar e dá para pechinchar bastante antes de levar o “presentinho”.

E o Spice Souk tem de tudo. Dá para sentir o cheiro das especiarias de longe. Havia também algumas lojas de tecidos e roupas lá. A Luísa aproveitou para comprar uma calça. O preço começou em 340 dirham (AED) e acabamos comprando por 120. :))) Tem que negociar mesmo porque os preços caem muito. A dica é nunca pagar mais da metade do primeiro preço anunciado.

A gente ainda ia no Museu de Dubai do outro lado do canal (Creek) e na Heritage Village, mas desistimos porque o calor tava de matar e uma dor de cabeça daquelas só pedia um ar-condicionado, sombra e água fresca hehehe. Caminhamos até a estação de metrô mais próxima, a AL RAS. De lá pegamos o metrô da linha Verde e fizemos uma baldeação para a linha Vermelha. Fomos direto para o Mall of the Emirates, o shopping onde tem uma pista de esqui artificial.

MALL OF THE EMIRATES2015-10-23 13.28.02Aproveitamos apenas para dar uma olhada na pista de esqui. Fazer nevar dentro do shopping não é para qualquer um, né? Mas nem esquiamos não. Bem caro e não estávamos muito dispostos. Paramos para almoçar no sempre delicioso The Cheesecake Factory, que adoramos. De lá fomos de metrô para chegar mais perto do nosso hotel (estação World Trade Center) e depois pegamos um táxi.

2015-10-14 14.44.52

Foto da foto da foto. Essa Strawberry Lemonade é boa demais! :)))

PRAIA DE JUMEIRAH

Essa praia é pública e fica bem ao lado do Burj Al Arab (único hotel 7 estrelas do mundo). Mas não achei a suíte presidencial essas coisas todas não. Bem simples pra mim! Hehehehe Na verdade, não conseguimos nem tomar um chá da tarde lá kkkkkkkk. Mas a prainha foi sensacional. DCIM103GOPROG1433479.Essa praia não tem infraestrutura nenhuma. Então, lembre-se disso na hora de ir, pois não há chuveiros, barraquinhas e nem restaurantes por perto. Só havia banheiros. Pelo menos foi o que vimos no dia que fomos.2015-10-13 15.52.23

Água quentinha e transparente. Bom demais! O ônibus 8 sai do Ibis Styles e desce bem em frente a essa praia, depois de 50 minutos de viagem.DCIM103GOPROG1423422.Para entrar no Burj Al Arab, ou você é hóspede ou reserva um dos restaurantes do hotel. Para isso, clique aqui no site oficial e saiba mais sobre cada opção. Dei uma olhada na época em que estávamos lá e a diária estava em R$ 5.400,00 :)))

MARINA BEACH

Essa praia é muito boa também, com mais infraestrutura. São vários restaurantes bacanas e lojas de grife. É possível alugar barracas de praia, guarda-sóis e até mesmo pranchas para praticar o Stand Up Paddle – SUP.2015-10-25 16.02.04

2015-10-15 17.41.43

Mais um Cheesecake Factory na beira de Marina Beach:)))

Há vários bons hotéis na região dessa praia e achamos um excelente local para ficar numa próxima. E para quem gosta de aventura e lá que está a Skydive Dubai, empresa que faz saltos de paraquedas incríveis com a vista da grande palmeira (The Palm Jumeirah). Quem sabe na próxima, hein? :)))

INDO PARA ABU DHABI, A CAPITAL DOS EMIRADOS ÁRABES UNIDOS

2015-10-25 16.04.55Alugamos o carro pela SIXT no hotel Four Seasons em Jumeirah, pois era a unidade mais próxima de onde estávamos. Acontece que lá não existe uma loja física. O que eles fazem é levar o carro até este hotel e já pegam toda a documentação e passam o cartão no próprio celular do funcionário. Portanto, chegue no horário marcado para evitar problemas. A devolução do carro foi no aeroporto mesmo. E lá tem outra pegadinha para quem aluga carros na SIXT. NÃO existe a loja da SIXT no Terminal 3. É obrigatório devolver o carro no Terminal 1 e de lá eles levam o cliente até o Terminal 2 ou 3. Fique atento a isso se for alugar um carro com a SIXT em Dubai.

Depois de pegarmos o carro, com GPS incluso, partimos direto para o Ferrari World em Abu Dahbi. O trajeto é bem tranquilo, uma reta apenas. Muito sossegado dirigir por lá. De Dubai ao Ferrari World a viagem durou 1h20min.

Saindo do parque de diversões ainda deu tempo de conhecer a magnífica Mesquita de Abu Dhabi, a Sheikh Zayed Grand Mosque.

FERRARI WORLD

Ele fica a 30Km de Abu Dahbi, numa região chamada YAS ISLAND. Ótimo para quem sai de Dubai e depois vai visitar outras atrações em Abu Dhabi. É um parque todo coberto, o que ajuda muito. Só na sombrinha. E o estacionamento é GRATUITO :)))2015-10-25 16.06.51

Mas só pra variar, o ingresso é bem salgado. Ê real desvalorizado! Há 3 categorias de ingressos: Ouro, Prata e Bronze. Pegamos o mais barato mesmo, o Bronze. PREÇO: módicos 260 Dirham (AED) = R$ 275,00 por pessoa. Affffff! A diferença entre um ingresso e outro é a quantidade de “fura-fila” que tem direito e os vouchers de desconto para comprar nas lojinhas. Clique aqui para comprar pela internet ou saber mais sobre os ingressos.

2015-10-16 16.39.50É nesse parque de diversões que está a montanha russa mais rápida do mundo, a FÓRMULA ROSSA, que chega a incríveis 240 Km/h. A sensação é realmente de estar dentro de um carro da Fórmula 1. É proibido entrar nela com quaisquer objetos na mão ou nos bolsos. E precisa colocar um óculos fornecido por eles para evitar o forte vento ou que a areia entre nos olhos.

Clique aqui para ver o vídeo dos pilotos Felipe Massa e Fernando Alonso na Fórmula Rossa.

Essa é a grande atração do parque, mas ainda há outros brinquedos bem legais como o Karting Academy, o Simulador de Corrida (Scuderia Challenge) e uma outra montanha russa mais tranquilinha (Fiorano GT Challenge). Ainda há outros simuladores e brinquedos sem tanta emoção. Clique aqui para ver as atrações do Ferrari World.

LOCOMODICA: chegue cedo no parque para evitar as filas. Às sextas-feiras pela manhã é um pouco mais vazio porque é um dia que muitos árabes vão às mesquitas para rezar. Assim que chegar no parque, vá primeiro no KART e no Simulador Scuderia Challenge. Essas duas atrações são com hora marcada. Então já reserve o seu horário e depois vá direto para a montanha russa Fórmula Rossa. Pelo menos você garante a ida nessas atrações. Se conseguir, garanta dois horários para o Kart, pois ele é o mais disputado e no meio da tarde os ingressos para esta atração simplesmente acabam :(((

SHEIKH ZAYED GRAND MOSQUE

Saímos às 18h do Ferrari World e fomos conhecer essa espetacular mesquita em Abu Dhabi. É realmente algo extraordinário. A sua construção durou quase 12 anos (de 1996 a 2007, quando foi inaugurada em 20 de dezembro. O design e toda a decoração fazem dela o maior destaque dos Emirados Árabes. Tudo nela é superlativo, a começar pelo custo total: 2,5 bilhões de Dirhams (AED).2015-10-25 16.09.02

Além disso, são várias colunas, cúpulas e o maior tapete, feito a mão, do mundo. Ele tem 5.625 m2 e foi produzido por 1.200 artesãs iranianas. Os grandes lustres contêm ouro 24 quilates e milhares de cristais Swarovski. Ir lá à noite foi legal porque a iluminação realça cada detalhe e destaca ainda mais a pureza do mármore branco, vindo principalmente da Itália. É na mesquita que está o mausoléu do seu criador Sheikh Zayed, o primeiro presidente dos Emirados Árabes Unidos e que governou o país de 1971 a 2004, ano de sua morte.2015-10-25 16.11.35

Para visitá-la é bom estar atento aos dias e horários permitidos a turistas e estar adequadamente vestido. Eles até emprestam uma burca caso o turista não esteja devidamente vestido, mas é respeitoso já ir preparado. Para entrar na sala de rezas é preciso retirar os calçados. Caso queira, existem tours em inglês gratuitos pela mesquita. Para saber os horários, clique aqui no site oficial.2015-10-25 16.12.35A Sheikh Zayed Mosque é de tirar o fôlego mesmo de tão bonita. Não perca a oportunidade de conhecê-la caso esteja em Dubai ou Abu Dhabi.

Logo após visitarmos a mesquita pegamos a estrada de volta para Dubai e chegamos mortos no hotel. :))) Foi só o tempo de arrumar as malas, tomar aquele banho e capotar. No dia seguinte pela manhã (17/10/2015) entregamos o carro na locadora SIXT e pegamos nosso voo para Mumbai na Índia.

É hora de viver novas e grandes experiências nesse país tão diferenciado, seja pelos costumes, pela cultura ou pela religião. Hora de trocar “Salaam Aleikum” pelo “Namastê”.

Abraços,

Cristiano e Luísa.